Esperança.

Somos máquinas de esperança. Temos o poder de crer que de alguma forma tudo vai ficar bem, que tudo vai se ajeitar, que tudo vai voltar aos trilhos, mesmo nos piores momentos. Temos o poder de consolar alguém, mesmo que estejamos sentindo dor também.Continuamos a ter esperança, mesmo quando sabemos que algo não tem como dar certo. Não tem jeito, somos assim. Não conseguimos aceitar que certas coisas são necessárias, não aceitamos que tudo tem seu tempo, que tudo tem seu limite. Continuamos insistindo, com esperança de que tudo vai voltar ao normal, que a vida vai voltar aos eixos, mas existem certas ocasiões que não tem como, não tem jeito, não dá. Não estou dizendo que não temos que ter esperança, ou que esperança é algo ruim, temos que ter esperança sim, mas temos que ter muito cuidado com ela também. A esperança é algo muito bom, é uma âncora, um ponto de equilíbrio, mas da mesma forma que ela pode nos salva, ela pode quebrar nosso coração. O que estou tentando dizer é que não desperdice suas esperanças, não à insista em ilusões. Aceite por mais que doa que não vale a pena insistir e se doar por tudo, tudo dura até onde tem que durar, até o limite esgotar, até chegar a hora de renovar, de recomeçar e seguir em frente, com a certeza de que o que podia ter feito, você fez. E com a esperança de que agora, finalmente tudo vai melhorar. (Escrito por Bárbara Flores)

Comente com o Facebook: