Suportável.

As pessoas dizem que toda dor passa, sinceramente, eu não acho que passa, eu acho que a gente se acostuma. No começo o sofrimento parece que é insuportável, você sente vontade de arrancar o coração para fora e sair gritando para todo mundo ouvir. Depois você começa a pensar no que poderia, aliás no que deveria ter feito para evitar tudo aquilo, começa a pensar e se você tivesse seguido um caminho diferente? Um rumo diferente? Se tivesse escolhido outras palavras para dizer? Outros sonhos para você? E você fica se martelando que não devia ser assim. Mas eu te falo, devia sim. A gente precisa quebrar a cara e ás vezes até o coração para amadurecer um pouquinho. Para parar de ficar fantasiando que a vida é um "conto de fadas" onde tudo vai ser simples e com um final feliz, não é. Sinceramente até acreditava que tudo um dia passa, que o tempo leva, que fica na memória. Mas toda dor, toda decepção deixam um machucado aberto, a ferida vai cicatrizando com o tempo, mas se você for lá e bater no mesmo lugar, vai doer novamente. Por isso eu acho que nem toda dor simplesmente passa, eu acho que a gente se acostuma, que ela torna-se suportável, acho que com o tempo a gente para de priorizar a dor e começa a enxergar outros sentimentos melhores. (Escrito por Bárbara Flores)

Comente com o Facebook: