Ás vezes.

Ás vezes precisamos fazer renuncias, ás vezes precisamos desapegar, ás vezes precisamos deixar de lado certas coisas e inverter as prioridades. Ás vezes preciso desconsiderar, rejeitar, soltar. Ás vezes a gente precisa deixar livre, tentar parar de tomar as rédeas de toda situação e deixar fluir, deixar partir, deixar reincluir. Ás vezes parece que você não vai conseguir libertar-se, desprender-se, mas ás vezes a gente precisa aceitar que na verdade não possuímos nada e que no final tudo é passageiro. Ás vezes desapegar não é desistir, ás vezes desapegar é aceitar o fato que merecemos algo melhor. E acredite, não tem nada melhor do que desapegar de algo que já não te faz mais tão bem e abrir espaço na sua vida e no seu coração, para algo melhor entrar. Ás vezes desapego é tranquilidade, é estabilidade, é serenidade. Ás vezes desapego é dar sossego para a alma, para o coração, para nós mesmos. (Escrito por Bárbara Flores)

Comente com o Facebook: