Nem todo fim precisa ser triste.

Ao contrário do que todo mundo pensa, nem todo fim precisa ser triste. Temos que nos conformar: tudo tem seu tempo, nada é para sempre. Tudo dura até quando tem que durar, dura o bastante para se tornar inesquecível, insubstituível. Ás vezes é um alívio, ás vezes é triste, ás vezes é necessário. Pessoas vem e vão, sentimentos vem e vão, não é como no conto de fadas "e viveram felizes para sempre", ás vezes o "para sempre" dura apenas um momento. Cada pessoa que passa por nossa vida deixa um fragmento de si e leva um fragmento de nós. A vida é como a correnteza de um rio, a correnteza não para, ás vezes enfraquece, ás vezes fortalece, mas nunca deixa de seguir em frente. (Escrito por Bárbara Flores)

Comente com o Facebook: